Economista Silvio Martins Filho assume presidência do Corecon-SC
Economista Silvio Martins Filho assume presidência do Corecon-SC - Corecon/SC

O economista Silvio José Martins Filho foi eleito nesta quarta-feira, 6, como novo presidente do Conselho Regional de Economia (Corecon-SC). A eleição ocorreu durante a primeira sessão ordinária do ano. Martins Filho sucede Ivoneti Ramos na presidência, e terá como vice a economista Bruna Furlanetto, que é coordenadora do curso de Ciências Econômicas da Unochapecó.

Na mesma sessão também foram empossados como conselheiros efetivos os economistas Reinaldo Cheraim Chedid, de São José; e Robert Richartz, de Florianópolis, além da nova vice-presidente Bruna Furlanetto. Ralf Marcos Ehmke, de Blumenau; Ademir Tenfen, de São José; e Valdemiro Branco Hildebrando, de Lages, assumiram como conselheiros suplentes.

Silvio José Martins Filho foi presidente da Ordem dos Economistas de Santa Catarina (Oesc) no biênio 2017/2018 e atualmente é conselheiro efetivo do Corecon, onde também integra as comissões de Tomada de Contas e de Transparência. Também integra o Conselho de Regulação da Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento (Aris). Na presidência do Corecon, Martin cumprirá mandato de um ano. "Espero retribuir todos os votos e manifestações e sei que posso contar com todos e que juntos faremos a gestão que todos esperam e fazer um Corecon ainda maior em 2021", declarou Silvio Martins, logo após ser confirmado na presidência.   

“Parabéns Silvio e parabéns Bruna, estimas de uma ótima gestão”, parabenizou o conselheiro Leonardo Alonso Rodrigues. “Parabéns aos eleitos! Sílvio e Bruna lhes desejo uma excelente gestão! Contem comigo!”, disse a também conselheira Janypher Marcela Inácio Soares. “Parabéns aos eleitos! Uma excelente gestão”, acrescentou a também conselheira Marilei Kroetz, que é professora universitária em Rio do Sul. “Parabéns à nova gestão e votos de sucesso”, desejou o recém-empossado conselheiro Miro Hildebrando. “Parabenizo aos eleitos e uma boa gestão”, acrescentou o conselheiro Ademir Tenfen. “Parabéns Silvio e Bruna pela presidência e vice-presidência do Conselho”, também desejou o conselheiro André Koerich.

“O ano de 2020 foi excepcional porque foi um momento complicado em razão da pandemia. Mas 2020 foi além de nossas expectativas, até porque tínhamos uma presidente estreante no cargo e ao mesmo tempo um ano de turbulências. Também foi um grande ano para a categoria de economistas pela atuação do Corecon, embora de forma remota, apesar. Enfim, apesar da situação ímpar, foi um ano muito bom e agora fica o desafio para seguirmos com este bom momento em 2021”, avaliou o vice-presidente do Corecon na gestão de 2020, Waldemar Bornhausen Neto.