CORECON-SC comemora número de Registros em 2017

No final do ano é sempre o momento de prestar contas dos resultados do trabalho, avaliar ações e pensar nas perspectivas para o próximo. O ano de 2017, com certeza, foi de muitas atividades no CORECON-SC, com ênfase na valorização do Economista e no fortalecimento da profissão.

São ao todo 1612 registros ativos. Para o presidente do Conselho, Paulo Roberto Polli, em um momento de crise econômica geral no país, quando em todos os estados caíram consideravelmente os números de registro profissionais, o CORECON-SC manteve e ainda aumentou o número de Registro de Pessoa Jurídica em 18%.

Fiscalização

A equipe de fiscalização do CORECON-SC contabilizou  neste ano, um total de 189 profissionais fiscalizados. A ação resultou em mais quinze profissionais registrados. Também 435 empresas fiscalizadas e doze registros  como resultados da ação.

Eventos

Com o propósito de conferir mais visibilidade, tanto aos economistas, como nas organizações que representam setores econômicos do Estado, parceiros e entre a sociedade em geral, o CORECON-SC promoveu  várias palestras com nomes de peso da economia nacional e internacional. Em Florianópolis, por exemplo, a palestra foi com o embaixador Rubens Ricúpero.

O calendário de eventos também contou com O XX Encontro dos Cursos de Ciências Econômicas (ECCE), que ocorreu no dia  24 de agosto, na Cidade Universidade da Pedra Branca, em Palhoça. Com um diferencial neste ano: foi acompanhado pela Internet , em tempo real.

Comunicação

O CORECON-SC esforçou-se também para manter um diálogo aberto e contínuo com a mídia, colaborando com entrevistas e sugerindo matérias oportunas para o segmento.”Tivemos uma presença ativa nas principais discussões sobre o cenário econômico do nosso estado e sobre a formação do profissional do Economista”, destacou o gerente executivo do CORECON-SC, Rodrigo Nivaldo Martins.

Data: 21/12/2017