Uma parceria entre o Banco de Desenvolvimento do Extremo Sul - BRDE e o Conselho Regional de Economia de Santa Catarina - CORECON-SC resultou no lançamento do Prêmio BRDE de Desenvolvimento que tem por objetivo incentivar a investigação e a produção de trabalhos técnico-econômicos de forma a abranger os estudos de cadeias produtivas ligados aos setores de atividades econômicas, de formação, manutenção e dinâmica de aglomerados produtivo, que possibilite contribuir para o desenvolvimento sócio-econômico de Santa Catarina ou da Região Sul.

O concurso é promovido pelo Conselho Regional de Economia 7ª Região/SC em parceria com instituições, que variam de ano para ano. Podem participar Economistas registrados no CORECON/SC (enviando dissertações, artigos e teses) e acadêmicos do Curso de Ciências Econômicas (monografias), formados do 2º semestre do ano anterior e formados ou formandos do 1º semestre do ano atual.

Abaixo, segue a relação dos Economistas premiados desde 1995. A saber:

VENCEDORES DO IV PRÊMIO BRDE DE DESENVOLVIMENTO 2011/2012

1º colocado - Daniel Augusto de Souza – Reg. Nº 2982, Adriano de Amarante – Reg. Nº 2577 e Fernando Pozzobon – Reg. Nº 3272 com o trabalho: Um Estudo Econométrico-Espacial dos Principais Clusters de Santa Catarina. Prêmio no valor de R$ 5.000,00

Baixar Trabalho em PDF

2º colocado - Idaulo José Cunha – Reg. Nº 622, com o trabalho: Associação entre os estágios de desenvolvimento da indústria catarinense e os objetivo e modelos de pesquisas econômicas realizadas nos anos 1962-2012.Prêmio no valor de R$ 3.000,00 

Baixar Trabalho em PDF

3º colocado - Raquel Bez – Reg. Nº 3105, com o trabalho: Uma análise do setor de abastecimento de água por categoria de consumo: O Caso de Santa Catarina. Prêmio no valor de R$ 2.000,00

Baixar Trabalho em PDF

Menção honrosa - Jailson Coelho – Reg. Nº 1501, com o trabalho: O Custo do atraso da conclusão da BR 101 Sul: Uma análise da perda de geração de riquezas na Região Sul de Santa Catarina

Baixar Trabalho em PDF

VENCEDORES DO III PRÊMIO BRDE DE DESENVOLVIMENTO 2009/2010

1º colocado - Jorge Amaro Bastos Alves – Reg. Nº 1.444, com o trabalho:  Arranjo Produtivo Local de Turismo Rota da Amizade e Desenvolvimento Regional : Uma análise Schumpeteriana

2º colocado - Juliana Maria Deschamps – Reg. Nº 3197, com o trabalho: Análise da Evolução do Microcrédito em Santa Catarina no período Recente

VENCEDORES DO II PRÊMIO BRDE DE DESENVOLVIMENTO 2007/2008

1º colocado - Título: Externalidades e  Processo Locais de Aprendizagem na Indústria Catarinense: Uma análise exploratória. Autor - Pablo Felipe Bittencourt – Reg. CORECON - Nº 2696, Co-autores – Renato Ramos Campos – Reg. CORECON - Nº 554 e  Nathan Esaú Guinter – Reg. CORECON -  Nº 2951.

2º colocado - Título: Região Metropolitana de Florianópolis: Migração e Dinâmica da Expansão Urbana. José Aldoril dos Santos Junior – Reg. CORECON -  Nº 2670, Pedro Assumpção Alves e Rosana Aparecida Baeninger.

3º colocado - Título: Condições de Inserção da Mulher no Mercado de Trabalho: Evidências a partir de Santa Catarina. Autores - Aline Zeli Venturi – Reg. CORECON - Nº 2833 e  Lauro Mattei.

Menção honrosa - Título: Os reflexos da Reestruturação Industrial têxtil em Blumenau. Autor: Laci Lombardi – Reg. CORECON - Nº 2107

VENCEDORES DO I PRÊMIO BRDE DE DESENVOLVIMENTO 2005/2006

1º colocado - Título: Migrações em uma região de crise agrícola: o caso do oeste catarinense. Autores: Thiago Callado Kobayashi, Pedro Assumpção Alves e Lauro Francisco Mattei;

2º colocado - Título: A indústria naval de Itajaí e Navegantes: avaliação competitiva e proposições políticas para o desenvolvimento local. Autora: Ana Luísa de Souza Soares;

3º colocado – Título: A duplicação da rodovia BR-470 como fator do desenvolvimento de Santa Catarina. Autora: Luciana Deola.

Menções honrosas:

Título: O microcrédito como instrumento de fomento às micro e pequenas empresas: uma análise de experiências internacionais e brasileiras. Autora: Rúbia Helena Becker Ulber;

Título: Desenvolvimento sustentável: propostas de preservação ambiental como metas de demanda crescente por mão-de-obra em Santa Catarina. Autora: Iandra de Souza Maldaner.