Acadêmico da Furb vence o 21º Prêmio Catarinense de Economia
Acadêmico da Furb vence o 21º Prêmio Catarinense de Economia - Corecon/SC

O Conselho Regional de Economia (Corecon-SC) anunciou nesta quarta-feira, 27, os ganhadores do 21º Prêmio Catarinense de Economia (PCE). O vencedor da categoria Estudante foi Daniel Augusto Wandrey, acadêmico do curso de Ciências Econômicas da Universidade Regional de Blumenau (Furb). Na categoria Profissional não houve trabalhos classificados.
A premiação ocorrerá dia 16 de dezembro, na 12ª e última sessão plenária do ano do Corecon-SC, que ocorrerá no Lira Tênis Clube, no Centro da Capital. Daniel Wandrey, da Furb, ficou em 1º lugar com o trabalho “Os efeitos da crise econômica brasileira no mercado de trabalho entre 2013 e 2018”. Ele vai ganhar R$ 2 mil. Em 2018, Wandrey, ao lado do colega Wellington Adriano, venceu a Gincana Estadual de Economia promovida pelo Corecon e na Gincana Nacional de Economia, realizada pelo Conselho Federal de Economia (Cofecon), a dupla ficou em 3º lugar na disputa com 24 equipes de 14 estados.
Em segundo lugar na categoria Estudante ficou Lucas Corrêa, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com o trabalho “Características da inovação no Brasil segundo a origem do capital: análise exploratória a partir da Pintec 2008-2014”. O terceiro colocado foi o acadêmico Carlos Henrique Gonçalves Freitas, da Unisul campus Palhoça, com o trabalho intitulado “Tributação e desigualdade: um estudo do impacto do ICMS sobre a renda na cidade de Uberlândia”. Eles receberão, respectivamente, R$ 1,5 mil e R$ 1 mil.
“Mais uma vez tivemos um excelente nível técnico na categoria Estudante, o que demostra a alta qualidade da nova geração de economistas que está surgindo aqui em Santa Catarina”, observou o presidente do Corecon, Paulo Roberto Polli Lobo. No ano passado, os vencedores foram o estudante da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Jefferson Chaves da Silva e o economista de Florianópolis Fábio Pádua dos Santos.

O prêmio

Promovido anualmente, o Prêmio Catarinense de Economia tem o objetivo de incentivar a investigação econômica em geral e estimular economistas e estudantes de Ciências Econômicas a desenvolverem pesquisas voltadas para o conhecimento e desenvolvimento da economia catarinense e/ou suas inter-relações com a economia brasileira e a economia internacional. As inscrições podiam ser feitas até 30 de setembro.
Os trabalhos deveriam versar sobre temas relacionados à Teoria Econômica, Pensamento Econômico Contemporâneo, Economia Brasileira, Economia do Setor Público, Economia Internacional, Economia Agrícola, Economia Socioambiental, Economia Regional e Urbana, Integração Econômica, Economia e Inovações Tecnológicas, temas interdisciplinares e outros relativos à ciência econômica.